Os secretários de Meio Ambiente e Defesa Civil, Ilzomar Soares Filho, e de Turismo, Indústria e Comércio, Carlos Augusto Souza Alves, representaram a prefeita de São Francisco de Itabapoana (SFI), Francimara Azeredo da Silva Barbosa Lemos, durante a reunião pública na Câmara Municipal de São João da Barra (SJB). O evento, por sugestão do Comitê de Bacia Hidrográfica Baixo Paraíba do Sul (CBH-BPSI), debateu a retomada das obras da Ponte da Integração, que vai ligar SFI e SJB. Os participantes decidiram realizar uma audiência com o governador Luiz Fernando Pezão e representantes da Caixa Econômica Federal (CEF) – financiadora da obra -, a fim de buscar uma solução.

“Durante o encontro, apresentei a sugestão de outras fontes para recorrermos, como por exemplo, o Fundo de Compensação Ambiental. Um representante do Estado informou que existe um financiamento de R$ 38 milhões, na Caixa, no entanto, para o valor ser liberado, o Governo necessita devolver o que foi arrestado”, ressaltou Ilzomar.

A ponte está sendo erguida na Rodovia RJ-196, no trecho entre as interseções com a Rodovia BR-356, na Fazenda São Domingos, em SJB, e a Rodovia RJ-194, na localidade de Campo Novo, em SFI. Possui uma extensão de 1.344 metros de comprimento por 16,20 metros de largura e teve um investimento de cerca de R$ 105 milhões até agora. De acordo com o diretor de Divisão do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RJ), Ivan do Amaral, para a conclusão da obra faltam cerca de R$ 50 milhões. “Estamos com todas as estacas metálicas cravadas dentro do Rio Paraíba do Sul. O mais difícil já foi feito”, disse, acrescentando que 55% dos serviços já foram concluídos.

O encontro contou com ainda com a presença de vereadores e os presidentes das Câmaras Municipais de SFI, SJB e Campos, José Pinto, Aluizio Siqueira e Marcão Gomes, respectivamente. Os três destacaram o empenho dedicado à causa por parte de Francimara, da prefeita de SJB, Carla Machado, e do prefeito de Campos, Rafael Diniz. Ficou acordado que os parlamentares dos três municípios, junto com o comitê, vão agendar uma audiência com Pezão e a CEF para viabilizar a retomada das obras da ponte.

Também participaram da reunião o presidente do comitê, João Siqueira; o diretor da Premag (empresa responsável pela construção), Stélio Souza; entre outras autoridades.

Compartilhe: