O secretário de Saúde de São Francisco de Itabapoana (SFI), Sebastião Campista, verificou recentemente o andamento das obras das futuras instalações da Unidade Básica de Saúde (UBS) de Gargaú. As intervenções estavam paradas desde agosto do ano passado pela gestão anterior, sendo retomadas no Governo Francimara para atender melhor aos moradores da localidade.

Segundo informações do encarregado Célio Cândido, o prédio sofreu ato de vandalismo devido ao abandono das obras pela administração passada. “A parte superior da fachada da instalação estava pichada, os cabos de força foram furtados, além de terem arrancado o portão de ferro de proteção para o espaço onde ficará o oxigênio”, detalhou.

O secretário de Saúde falou sobre os avanços da obra. “Foi feita uma nova pintura na parte externa do prédio para retirar a pichação e recuperar alguns detalhes que faltavam. Também colocamos o nome da UBS na fachada e foi instalado o portão de ferro no devido lugar. Além do mais, estamos analisando as instalações da água com a Cedae e verificando os tipos e cabos que foram furtados para a entrada de luz padrão”, explicou.

Sebastião também revelou que as obras terminarão o mais breve possível. De acordo com o secretário, a corrida para a conclusão é uma determinação da prefeita Francimara Barbosa Lemos, que deseja oferecer um atendimento cada vez mais humanizado e de qualidade para os munícipes.

Visita – Na oportunidade, Sebastião também fez uma visita à Unidade Pré-Hospitalar de Gargaú, que funciona 24 horas e presta um serviço de atendimento emergencial. No prédio, o secretário fez uma mesa redonda com os funcionários que trabalham no local e confirmou sobre a transferência dos colaboradores da unidade para as novas instalações da UBS. “Ao terminar as obras, vocês irão para o novo prédio. Já estamos comprando os materiais e mobiliário para lá. Os serviços básicos vão continuar e na UBS poderemos oferecer um atendimento com mais qualidade para as pessoas”, pontuou.

Feliz com a informação, a administradora da unidade, Sueli Caetano, confirmou as palavras do secretário. “A nossa comunidade aguarda a transferência para desfrutar das melhorias. A gestão anterior deixava realmente a desejar. Tudo o que solicitávamos para aprimorar o atendimento era recusado”, afirmou Sueli.

Acolhimento – Desde o início de sua gestão, em junho deste ano, Sebastião tem visitado as unidades de saúde para verificar as necessidades de cada lugar, além de implantar novas políticas de atendimento aos colaboradores de sua pasta.

De acordo com o secretário, de todas as unidades espalhadas no município, faltam apenas as das localidades de Pingo D’Água e Sossego. “A intenção é visitar para fazer levantamento de informações para resolver os eventuais problemas que surgem”, ressaltou.

Ascom SFI

Compartilhe: